quarta-feira, 20 de abril de 2011

Empadas de galinha com cogumelos

Salvo raríssimas excepções, as empadas que se comem nos cafés, e se vendem em outros estabelecimentos comerciais, mais parecem uma construção de alvenaria, uma mistura de betão e argamassa. Feitas de massa grossa, massuda, com um nico de recheio seco e desenxabido, a exigência passa por ter uma bebida qualquer ao lado para desembuchar.

Por isso nunca fui grande apreciadora. E não fossem as empadas da minha mãe e umas outras tantas experiências em casa desta ou aquela pessoa amiga/familiar, e eu há muito que já teria colocado as empadas na categoria de salgado que até se pode comer, mas não se aprecia.

Felizmente já comi muitas empadas caseiras boas, mas com um recheio tão saboroso e aveludado, ainda só meti o dente nas minhas. Modéstia à parte, que eu não sou rapariga para me andar a auto-elogiar por dá cá aquela palha :P

O P. até revira os olhos com elas.

São um regalo! E se uma pessoa não se põe a pau é uma, depois outra e mais outra, num piscar de olhos.

A receita é deliciosa e garanto-vos que compensa cada minuto que passarem na cozinha.

Ingredientes (para 12 empadas)

Recheio:
- 2 peitos de frango (ou sobras de frango em quantidade correspondente)
- 1 cebola média
- 2 dentes de alho picados
- 2 colheres de sopa de azeite
- 50 gr. de margarina
- 1 folha de louro
- 1 chávena de chá com cenoura aos quadradinhos
- 100/150 gr. de cogumelos picados grosseiramente
- meia chávena de chá de vinho branco
- água q.b.
- 1 caldo de galinha
- 1 chávena de café de polpa de tomate.
- pimenta q.b.
- salsa picada q.b.

Massa:
- 300 gr. de farinha
- 100 gr. de margarina
- leite q.b.
- 1 ovo

Preparação Recheio:

1) Num tacho médio leve a refogar a cebola, os dentes de alho e os cubos de cenoura com a margarina, o azeite, a folha de louro e o caldo de galinha.

2) Quando o refogado estiver louro junte a polpa de tomate, os cogumelos e os peitos de frango. Tempere com pimenta (não há necessidade de se adicionar sal porque o caldo de galinha já tem).

3) Coloque água de modo a cobrir parte dos peitos de frango e adicione o vinho. Tape e deixe cozinhar em lume brando. Vire os peitos caso seja necessário.

4) Depois do frango cozido retire-o do tacho e deite fora a folha de louro. Desfie o frango.

5) Adicione um pacote de natas de culinária ao preparado e volte a colocar o frango desfiado. Envolva tudo e deixe cozinhar mais um pouco para engrossar.

6) Tempere no fim com salsa picada e envolva.



Preparação Massa:

1) Numa tigela funda coloque a farinha e abra um buraco ao centro. No meio coloque a manteiga amolecida e o ovo. Envolva e amasse. Forme uma pasta compacta e vá adicionando colheres de leite aos poucos até sentir a massa a descolar das paredes da tigela (o processo é mais fácil usando as mãos).

2) Polvilhe a bancada da cozinha com farinha e vá esticando pedaços de massa com o rolo.

3) Com a ajuda de um copo ou caneca corte 12 círculos na massa com tamanho suficiente para cobrir totalmente as forminhas (a massa deve bater ou mesmo passar ligeiramente o rebordo)

4) Coloque recheio em todas as forminhas.


5) Corte 12 círculos mais pequenos com tamanho suficiente para tapar as forminhas.

6) Una bem os dois círculos, dobrando o círculo maior sobre o mais pequeno.


7) Bata a gema de 1 ovo e com o dedo indicador molhe no ovo e besunte cada um dos topos das empadas.

8) Leve ao forno pré-aquecido a 180º C durante cerca de 20 minutos.

9) Deixe arrefecer e desenforme, passando a ponta de uma faca à volta de cada uma das empadas. Vire-as ao contrário que elas sairão facilmente.


Sugestão: Quem não quiser fazer a massa pode usar a massa quebrada fresca que se vende nos supermercados. Cada embalagem dá para 6 empadas.

Experimentem e depois digam se gostaram :)

Beijinhos amendoados.

19 comentários:

  1. Querida Luarte,vc com suas empadas me deixou salivando...pudera eu atravessar o mar e ir saboreá-las...mas,como não posso,me contentarei em tentar fazê-las e acertar a mão...bjs, leninha

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Vou experimentar. Acho que nunca comi uma empada de galinha pois não sou apreciadora de carne, embora em casa vá comendo uma carnita :P, mas assim, empadinhas feitas em casa sou bem capaz de as comer. As tuas tem muito bom aspecto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Também costumo fazer empadas em casa, ou então uma empada "gigante" para um almoço leve... com uma saladinha...
    As tuas têm um aspecto delicioso, vou experimentar também esta receita (as minhas são um bocdinho diferentes), parece ser de comer e chorar por mais :)

    ResponderEliminar
  5. Olá,
    Tens razão, eu aprecio imenso empadas, mas, quando se come nos cafés, ficamos sempre com um sabor na boca, como hei-de designar, um sabor pastoso, que não se consegue destingir de que são feitas realmente as empadas.
    Gostei imenso do aspecto das tuas empadas, se não te importas vou levar a receita comigo.
    Depois te direi se são as melhores!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Olá Luarte,

    Vou mesmo experimentar um dia destes. O recheio tem um óptimo aspecto! E, de facto, é raro encontrar boas empadas.

    Bjos

    ResponderEliminar
  7. Já anotei a receita! Vou experimentar, mas já sei que vou adorar!

    Bjs

    ResponderEliminar
  8. ficaram lindas e de certo que muito saborosas!

    ResponderEliminar
  9. Que delícia!!! Ou melhor, que excelente aspeto!
    Fiquei com vontade de experimentar e se fizer na bimby, conseguirei fazer com menos trabalho :P
    Xiiii, que preguiçosa sou!!! lol

    ResponderEliminar
  10. Já estou a salivar par cima do pc!

    Tenho que experimentar pois parecem deliciosas!

    ResponderEliminar
  11. Nunca fiz empadas. Também só como uma ou outra esporadicamente na rua e entendo o que dizes ;)

    As tuas parecem perfeitas. Obrigada pela receita!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  12. Ups... acebei de te roubar a receita. Depois digo como ficaram.

    ResponderEliminar
  13. Bem...pelo aspecto são de crescer água na boca!! :)

    ResponderEliminar
  14. Que coicidência, foi o nosso jantar, só que era uma empada grande, a minha receita não leva natas, mas que devem ficar muito boas , ai isso devem!!!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  15. Olá Luarte!
    Passado tanto tempo cá vim de novo espreitar as tuas novidades. E que bom aspecto que têm estas tuas empadas.
    Concordo contigo que nos cafés raramente se encontra uma empada ao nosso gosto mas eu tenho a sorte de ter uma “sogrinha” que de vez enquando me faz umas empadas fantásticas.
    As tuas não provei mas as dela são deliciosas. Acho que lhe vou mostrar a tua receita pois esse recheio deixa água na boca só de ver.
    Beijinhos
    Telma

    ResponderEliminar
  16. Essas empadas têm mesmo bom aspecto!! Um dia destes tenho de experimentar a tua receita ;)
    jokas

    ResponderEliminar
  17. Quando comecei a ler este post quase parecia que estava a preencher os censos novamente...paredes de alvenaria e argamassa;)
    O aspecto é delicioso Luarte...Vou levar a receita sim?
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)