quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

As estrelas têm o poder de imigrar para todo o lado

Lembram-se das estrelinhas de ontem, do castiçal de Natal?

Uma das estrelinhas rasgou-se na fase de descolar do vidro, mas ainda fiquei com 5 estrelinhas com uma textura fantástica e de um vermelho lindo. 

Não fazia sentido irem fora. E como o espírito natalício anda a polvilhar esta casa, à noite, antes de me deitar, arranjei mais uns afazeres.

Uma antiga garrafa de água gaseificada, um raminho, uns pauzinhos prateados e uns corações que comprei por uma pechincha numa loja local (75 cêntimos, 15 corações com pezinho metálico para enrolar em qualquer lugar), foi tudo quanto bastou para criar uma jarrinha nova.

Até a própria garrafa sabia que o vermelho era a cor a vestir, e deixei ficar no gargalo o rebordo da tampa metálica  :)

A jarra coloquei em cima dos meus pequenos baús, no hall de entrada.



Depois foi a vez da quarta e quinta estrelas imigrarem para um novo pinheirinho de Natal.


E para esta criação inspirei-me no seguinte vídeo:


Peguei no pequeno bloco de cartolinas com muitas cores e escolhi a cor verde.

Com um compasso medi numa régua metade das medidas que o vídeo mostra (raio)

Como a cartolina é grossa não fui capaz de totalizar o número de dobragens. Aquelas que não consegui prefazer, fi-las depois com o circulo aberto. É mais fácil. E digo-vos que quanto mais amassada fica a cartolina, mais bonito fica o resultado.

Com um pauzinho de espetada furei o centro de cada círculo seguindo a ordem do maior para o mais pequeno. E deixei um bocadinho da pontinha do palito à mostra.

As duas estrelas que haviam sobrado foram coladas costas com costas, tendo no meio um cartão. E a única estrela que ficou foi fixada no topo do palito.

Um vaso pequenino de um antigo cato, tornou-se a base do pinheirinho. Enchi-o com o resto de uma pasta de modelar que já estava em mau estado, mas pode ser terra, plasticina, ou até massa feita de água com farinha... De seguida dei com spray-neve para esconder a dita massa.

Decorei de forma simples o vasinho  e espetei o pauzinho.


São pequenas e simples ideias como estas, reciclando muitos dos materiais que já temos, que vêm dar um toque ainda mais especial à nossa casa. Como tenho sempre material variado que vou adquirindo ao longo do ano a bons preços, estes pequenos trabalhos que faço custam pouco mais que nada. E aquele material de desperdício que eu acho que pode servir para mais tarde, guardo. Não vou meter ao lixo. 

Beijinhos

11 comentários:

  1. Excelentes ideias de reciclagem e de poupança para o Natal :)
    Beijinhos

    Rita M.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Rita M.
      Na poupança e na reciclagem está o ganho de uma vida melhor ou mais interessante. Pelo menos é esse o meu ponto de vista.
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Tantas ideias fantásticas e fáceis que tens partilhado! Dá vontade de copiar tudo, mas o tempo não chega!
    Parabéns pelos belos trabalhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cor de chá, podes copiar à vontade :)
      Eu partilho com o intuito de quiça inspirar, já que tantas e tantas vezes sou inspirada por ideias que vejo por aqui.
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Luarte,
    Tantas ideias!!vou ver se começo pelas estrelas de natal...tudo o resto parece-me ser areia a mais paraomeu camião!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dani, depois diz se conseguiste fazer as estrelas :)
      Tudo quanto faço e explico aqui é fácil. Mas se não tentares, nunca saberás... :)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Mana adorei tudo :) Estás de Parabéns. Beijinhos

    Oceanosemfundo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :) Um beijinho especial para ti!*

      Eliminar
  5. Palavras para quê? Lindo!
    Simplesmente lindo! Que forma tão agradável e compensadora de entreter os serões, não é?
    Ainda bem que não sou a única que guardo "lixo" em casa :) Quando venho com alguma coisa, o meu marido diz logo: "lá vem ela com mais lixo"... Ainda este fim de semana uma amiga disse: "Neuza, tenho uma coisa para ti", logo de seguida outro amigo do grupo: "Deve ser lixo" :) :) O lixo de uns pode ser o luxo de outros! Neste caso, as tuas decorações são muito mais interessantes para mim, que muitas decorações de lojas de luxo! Atenção, não tou a chamar lixo ás tuas decorações, tu percebes!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Velud'arte, é realmente uma forma de entreter os serões quando se anda virado para esse lado. Digo isto porque eu sou de luas. Tanto me dá para fazer coisas atrás de coisas. Como me dá a preguicite aguda e não tenho vontade de fazer rigorosamente nada. É verdade que aquilo que muitas vezes não serve a uns pode ser ouro para outros. Eu deparo-me com isso muitas vezes.
      Eu também acho muito mais interessante decorações feitas pensadas e criadas pela própria pessoa do que aquelas de fabrico em série. E quase sempre as coisas mais simples e básicas são as mais bonitas.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Belas ideias! Continue!

    Convido-a a visitar o meu cantinho:
    www.trapinhartes.blogspot.com

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)