quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Para uma avó muito especial

A avó Nina, do alto dos seus 80 e muitos anos, é um exemplo de mulher.

Tem uma genica que faz inveja a qualquer rapariga de 20.

Não sei onde vai buscar tanta força e disposição para fazer as coisas que faz. E tem uma cabecinha e uma perspicácia no mínimo surpreendentes. 

A maior parte das mulheres da idade dela quer é sopas e descanso.

Mas sopas e descanso é coisa que deixa a Avó Nina doente, à beira de um ataque de nervos.

Ao domingo faz questão de receber na sua pequena casa a família inteira para almoçar.

E prepara sozinha e como ninguém imensos pratos e doces... com aquele sabor incrível e inconfundível a comidinha da avó, estão a ver?

Nesse dia, quando chegamos a casa, quem é que pensa jantar depois de tanto mimo? Pois, ninguém! :P

Há conta da sua mestria culinária, a avó Nina já ganhou o diploma de melhor cozinheira do mundo (aqui). Quais estrelas Michelin, qual quê! A avó Nina é a maior na cozinha. Imbatível!

Não é minha avó de sangue, mas é uma grande avó do coração. A única que tenho.

Obrigada P. pela avozinha que me ofereceste :)

Neste Natal o nosso presente foi um vaso com flores porque a avó Nina gosta muito de flores e plantas. Tem o terraço e a marquise repletos delas. Mas jacintos era flor que ainda não tinha para a coleção :)

E a partir daqui foi relativamente fácil pensar no seu presente.

Primeiro comprei os bolbos e uns dias depois, numa ida às compras, trouxemos um vaso simples de terracota e respetivo prato.


Quando a inspiração bateu à porta, segui-a sem a contrariar. 

O vaso levou duas demãos de tinta primária. Depois de seco, usei a mesma técnica do guardanapo que já havia utilizado no pequeno quadro que fiz há uns tempos para a sala (aqui).

A segunda parte foi dedicada às decorações do vaso.

Por fim, foi só preciso enchê-lo com terra e semear os bolbos que, entretanto, já davam mostras de querer espreitar cá para fora.





Na noite de Natal a avó ficou espantada com o tamanho da caixa que lhe pusemos à frente. E a pergunta da praxe não se fez esperar: "O que é que estes marotos prepararam agora?"





A avó Nina tornou-se oficialmente, desde o dia 25 de dezembro, a babysitter de 3 pequenas "crianças" que agora tem a responsabilidade de saber cuidar e mimar :)

16 comentários:

  1. Ficou mt bonito e original esse vaso ,se eu o recebesse ,adoraria
    Gostei mt da tua visita ;)
    è uma honra ter te como minha seguidora
    bj
    Lulu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lulu, o prazer é todo meu. Adoro conhecer cantinhos fantásticos :)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Maravilhoso vaso de Jacintos! Lindo lindo!
    Luarte, tu tens um dom especial, o de transformares objectos em peças lindas e em fazeres pessoas felizes!
    Está o vaso mais fofinho que já vi!
    Eu tenho uma avó de 83 anos que é um furacão :) Anda sempre a inventar, faz coisas lindas, é bastante criativa. Eu fico encantada com as suas ideias, ela sim, tem uma criatividade natural já que não
    é influenciada por revistas ou internet. Estas pessoas são de louvar! Todos os dias da semana ela cozinha o meu almoço e faz-me suminho de tangerina... as comidas dela têm cá um sabor... :) Luarte, quando formos oitentonas vamos ser assim, boa?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Velud'arte :)
      Obrigada por tanto elogio, mas vindo de quem vem está exagerado (tu sabes o que fazes e do que és capaz) :P
      A minha avó também me faz comidinha e sopinha para eu trazer para casa. É uma querida. Sou sua fã nº 1.
      Se chegar à idade dela não sei se vou ser capaz de ser assim. Ela é realmente extraordinária.
      Beijinhos grandes***

      Eliminar
  3. Ficou lindo e foi uma prenda muito especial. Muitos beijinhos para ti e para a Avó Nona :)

    ResponderEliminar
  4. Que sorte que a Avó Nina tem em ter uma "neta" como tu :) Quer dizer, a avó Nina e todas as pessoas que convivem contigo. Até nós que estamos deste lado temos sorte contigo. As ideias que nos dás, a tua imaginação, o carinho que colocas em tudo que fazes. Enfim, tudo isso nos é transmitido! Parabéns Luarte pela talento que tens: fazer as pessoas felizes com simples gestos :)
    E parabéns à Avo Nina pela idade que tem e por ainda continuar tão jovem.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Daniela por veres desse lado todas essas coisas bonitas aqui :)
      Beijinho*

      Eliminar
  5. Adorei conhecer a tua "avó". Que prenda linda, adorei e aposto que ela também, basta ver aquele sorriso contagiante e a alegria dela.
    É mesmo bom ter uma avó de coração, eu também tenho uma (irmã da minha avó materna) já que a minha avó materna "enjoou de bebés" (nem sabia que era possível) quando eu nasci. Quanto à minha avó materna, já não está entre nós.
    Beijinhos e parabéns pelo teu gesto lindo :)
    Feliz ano novo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Ana :)
      Eu também não tenho avós há muitos muitos anos. E esta adotou-me. Sinto-me imensamente grata por isso.
      Não há nada que lhe possa dar que agradeça aquilo que ela me dá a mim. Há lições de vida que nunca se esquecem e sei que jamais esquecerei o que ela me ensina sempre que tenho o prazer de estar ao seu lado.
      Beijinhos*

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Um sorriso que ilumina tudo e todos :)

      Eliminar
  7. Ficou lindíssimo o presente da Avó Nina :-)

    ResponderEliminar
  8. Tambem não tenho avós, os avôs nunca conheci, mas adorava a mãe do meu pai, felismente passeia muitos anos ao lado dela, morreu velhinha velhinha mas eu tenho tantas saudades dela.
    Parabens á "tua" Vó Nina, parabens a ti por teres uma "avó" na tua vida.
    parabens pelo trabalho do vaso e as crianças são florir de certo lindas lindas.

    ResponderEliminar
  9. Adorei a ideia Luarte! Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Olá,
    adorei este teu presente para a tua avó Nina. Sou seguidora do teu blog há algum tempo e coloquei um tag aqui neste teu vaso personalizado. Gostaria de ver aqui um passo a passo deste vaso, quando é que nos presenteias com esse post.
    Um bem-haja pela alegria e ideias que nos deixas.
    Bjs
    Cristina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Cristina :)
      Não tenho mais fotos que possam ilustrar o passo a passo, mas posso dizer-te em síntese como fiz a decoração do vaso.
      1) Pintei com primário branco todo o vaso e prato (usei tinta que já cá tinha em casa para azulejos). Dei duas demãos.
      2) Deixei secar bem e coloquei na zona que queria o guardanapo de papel sem colar e pintei todo o corpo do vaso de azul, passando a tinta por cima de todo o guardanapo. A tinta que também já tinha em casa é acrílica e tanto dá para paredes como para madeira.
      3) Sem deixar secar, retirei o guardanapo com jeito (levantar várias pontas com uma pinça ajuda) para não borrar.
      4) Depois de ter o vaso bem seco, a lápis desenhei à mão as letras e com um pincel fino sublinhei a tinta.
      5) Para fazer as pintinhas do rebordo do vaso utilizei o cabo do pincel fino que molhava na tinta. Fiz por filas desencontradas que no fim fazem padrão.
      6) Deixei secar tudo e depois foi só colocar a terra e plantar os bolbos.
      Espero ter ajudado.

      Beijinhos

      Eliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)