terça-feira, 14 de maio de 2013

Lixívia: amiga ou inimiga?

Cá em casa não dispenso o uso da lixívia* em algumas limpezas domésticas e em nódoas difíceis.

Mas à conta da lixívia já estraguei alguma roupa.

Por isso a minha relação com ela sempre foi de amor/ódio.

Hoje lembrei-me de partilhar este post, por que ainda na passada sexta-feira uma leitora se queixou que estragou uma peça com lixívia. E que agora a única solução que encontra é tingir. 

Conheço bem histórias dessas na primeira pessoa.

Se bem se recordam, ainda em janeiro estraguei umas calças novas.

Dias depois estava eu à conversa com uma amiga ao telefone a comentar a minha triste sina com a lixívia e diz-me ela que antigamente também lhe aconteciam situações dessas. Mas desde que passou a usar lixívia sem salpicos nunca mais teve problemas.

What?????

Lixívia sem salpicos????

Segundo essa amiga, há muito tempo que já existe à venda no mercado. E com certeza grande parte de vocês já conhece também, exceto euzinha, que só passei a conhecer desde essa altura :P

Claro que na ida seguinte ao supermercado fui logo procurar por essa dita sem salpicos e facilmente a encontrei.

Não sei porque razão nunca me cruzei com ela, quando está exatamente na mesma seção das outras. Nem me lembro de alguma vez ter visto qualquer tipo de publicidade a anunciar o produto. Andei eu demasiado distraída com outras coisas?

Existem mais marcas, mas eu optei por trazer marca branca e tenho a dizer só isto: que pena que tenho de não a conhecer e usar há mais tempo (refiro-me à lixívia, não há marca), porque ter-me-ia poupado muitos dissabores.


Esta lixívia é mais densa que a dita normal. Tem uma textura tipo gel, daí ser sem salpicos.

Além de não salpicar e evitar aqueles estragos irremediáveis na roupa, ela simplesmente rende muito mais que a outra.

Digo isto porque, já lá vão mais de 4 meses e ainda nem a meio da garrafa de 2 litros cheguei. Com esta lixívia sem salpicos consigo dosear melhor a quantidade que necessito de forma muito mais fácil do que em relação à líquida.

Pelo menos comigo é assim que utilizo lixívia a "olho".

Fica a sugestão para algum(a) distraído(a) desastrado(a) como eu, que ainda não tenha experimentado e não conheça.

A verdade é que desde essa altura nunca mais tive problemas nenhuns. Estou de pazes feitas com a lixívia e neste momento tornamo-nos amigas inseparáveis e sem ressentimentos :)

* Lixívia (em Portugal)= água sanitária (no Brasil).

22 comentários:

  1. Muita obrigada porque eu também sou distraída e desastrada, eu já tinha visto mas achava que era treta, sinceramente..lol. Bjs

    ResponderEliminar
  2. Olha, já somos duas, porque eu também não conhecia. Obrigada pela dica. Vou ver.

    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Desconhecia tal produto!!!!
    Mas uma perguntinha: se essa lixívia é mais densa, será que dá para usar com o vaporizador?! É que eu só uso lixívia nas limpezas na casa de banho e é com o vaporizador (numa tentativa de não haver grandes estragos na roupa).
    Só há no continente, ou também haverá nos outros hiper's?
    Bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duvido que dê para usar num vaporizador por causa da tal densidade que . Mas esse método de vaporizar com lixívia nunca tinha ouvido falar. Parece-me arriscado e confesso que fiquei com medo :P
      Julgo que esta lixívia deve existir em mais supermercados.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Lol, não é preciso ter medo. Acho bastante seguro. O meu problema com a roupa já não é salpicos mas quando ando a fazer a limpeza e me encosto onde tem lixívia a atuar. Num vaporizador (tipo o do limpa vidros) coloco a lixívia e vaporizo as louças sanitárias, os azulejos do duche, a cabine de duche. Depois é deixar atuar um bocadinho, passar a esponja com o gel de limpeza, passar água e tá feito. Limpinho e a brilhar. No teto se há alguma mancha de humidade, aí sim, com cuidado, vaporizo a mancha e deixo estar. Adeus mancha, teto branco imaculado. Nunca mais usei lixívia de outra forma sem ser com o vaporizador.
      Bjinhos

      Eliminar
    3. Não sei porquê, acho que esse método nas minhas mãos iria funcionar muito mal. Não é que não seja bom, (pelos vistos é, segundo as tuas palavras), eu é que sou desastrada :P
      Quanto menos dispersar a lixívia menos riscos corro :P
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Olá boa tarde!
    Então eu também ando destraida, porque nunca a vi nem nunca tinha ouvido falar dela!
    Obrigado pela informação

    ResponderEliminar
  5. Que beleza!!!! Que bela invenção...já podia era saber dela há uns 10 anos....
    Mas é sempre tempo!!!
    Bem haja!
    RPM

    ResponderEliminar
  6. Não és a única:
    Também gosto de usar lixivia, principalmente ao higienizar a cozinha e wc. E não me lembro e uma única vez que a tenha utilizado sem ficar com alguma peça de roupa estragada.
    O mais grave é no emprego, quando é necessário ser eu a fazer limpeza ás Wc's, já estraguei umas calças novas (que continuo a usar sem ainda ter remediado, pois os salpico são poucos), uma camisa que inutilizei mas pretendo reciclar, e mais recentemente umas botas em pele tipo camurça pretas.
    Desconhecia essa lixivia mas digo-te que amei o post. :)
    Será a próxima procura quando for ás compras.
    Vou agora atualizar o meu :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh lá..afinal existe alguém com uma relação ainda mais díficil com a lixívia do que eu.
      Eu também gosto de usar lixívia nos w.c e na cozinha. Se não usar, parece-me que as coisas não ficam bem limpas e asseadas.
      Tens mesmo de experimentar esta lixívia, Marta!
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Esta lixivia é óptima devido a isso mas quanto à eficácia do branco garantido, deixa a desejar. Pessoalmente para este efeito branqueador acho a do minipreço, a mais barata excelente!

    beijinho

    http://tixismos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Patrícia :)
      Até agora ainda não notei problemas na eficácia. Mas também é verdade que não costumo usar para branquear roupa. Será por aí que notas diferença?
      Obrigada pelo teu testemunho.
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Já tinha reparado.. mas pensei: que raio, sem salpicos? Como é que pode ser sem salpicos se é um líquido?
    Ainda bem que respondeste à minha pergunta em relação à sua textura. Deve fazer realmente muita diferença. Especialmente nos salpicos acidentais que às vezes nem damos conta.

    Um beijinho :) *




    Mirabilis Makeup

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é mesmo esse o dos salpicos acidentais. Agora até mexo na lixívia com outra descontração :)
      Beijinhos

      Eliminar
  9. Olá a todas.

    Recentemente descobri o perborato!! Uma caixinha baratiiiiinha venida nos supermercados Froiz. Bacia com uma colher daquilo e água a ferver lá para dentro (do fervedor mesmo). Meus panos da louça parecem novos. E as roupas do colégio da filhota com aquelas manchas de fruta? Impecáveis!! Beijinhos

    Sónia
    www.minhacasinhaeassim.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Sónia :)
      Obrigada pela sugestão.
      De qualquer forma eu utilizo mais lixívia nas limpezas do que propriamente na roupa.
      Mas obrigada pela partilha.
      Beijinhos

      Eliminar
  10. Muito obrigada por esta partilha, pois também eu desconhecia esta lixívia... E pelo que li, muitas de nós andamos distraídas!!! Beijjos

    ResponderEliminar
  11. Não é por meu hábito utilizar muito, mas tenho tambem dessa e gosto. estragar roupa com salpicos por acaso tambem não costumo estragar.
    jocas

    ResponderEliminar
  12. Olá Luarte,
    Por acaso já conhecia essa lexívia, mas julgava que só existia da Neoblac.
    Se já existe como marca branca. Isso é óptimo!
    Nunca tinha reparado, ía para as lexívias normais ou com detergente e essa escapava-me. Obrigada.
    Bjs,
    Teresa C.

    ResponderEliminar
  13. Eu também não passo sem lixivia e uso essa mesmo ,barato e bom
    bjs
    Lulu

    ResponderEliminar
  14. O titulo do teu post foi bem escolhido :)

    Conheço essa lixívia de Portugal, cheguei a comprar várias vezes e tenho a mesma opinião, é mais prática de usar porque não salpica.
    Aqui na Alemanha acho que não há, o que não me surpreende porque no geral acho que não usam tanto a lixívia como nós. Pena...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. a lexivia usada com o borrifador ate tira as manchas de bolor nas paredes nas cortinas de wc

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)