segunda-feira, 25 de maio de 2015

Lombo de Salmão no Forno com laranja e mel

O Salmão é daqueles peixes que aprendi a gostar tardiamente.

Em casa dos meus pais raras foram as vezes que comi salmão. É um peixe pouco apreciado, pese embora os vários benefícios que lhe são reconhecidos para a saúde em geral. Das raríssimas vezes que comi lá por casa, verdade seja dita que não guardo as melhores recordações.

Lembro-me de comer grelhado e ser super seco e de me ver grega para conseguir deglutinar este peixe até ao fim. 

Em casa dos meus sogros a opinião é igual. Peixe pouco apreciado no sabor e na textura. Demasiado seco.

Por isso não é de estranhar que o P. também não fosse grande apreciador deste pescado.

Felizmente tive a oportunidade de experimentar várias vezes fora de casa e de ter gostado mesmo de algumas delas. Outras nem por isso. Bastou tão somente uma ou duas experiências positivas para mudar a minha opinião sobre este peixe tão mal amado e compreendido por muitos.

Foi uma luta para introduzir o salmão cá em casa. Pelo P. era mesmo peixe fora do cardápio. Nada de estranhar tamanha resistência, já que a opinião construída ao longo do tempo nunca foi favorável.

Mas valeu a pena toda a minha insistência e teimosia. Embora hoje em dia saiba bem ouvi-lo dizer que só gosta de salmão feito por mim, tenho pena que em muitos locais, este peixe seja maltratado na confeção. Não convém fazer erros grosseiros com um peixe que não é de todo um peixe barato.

É que se o salmão for muito cozinhado fica intragável, Que secura, que falta de gosto e de cor!

O segredo, que não é segredo nenhum, é não o deixar secar. 

Gosto dele grelhado, fumado ou no forno. Ah e gosto dele no sushi, preferencialmente em sashimi. 

Para grelhar opto pelas postas. Tempero com sal, pimenta preta, alho em pó e ervas de provence com algum tempo de antecedência (quanto mais melhor). Depois é só grelhar em chapa/grelha muito quente poucos minutos (cerca de 2 a 3 minutos para cada lado). Nada de andar a mexer e a virar o peixe de um lado para o outro. Há quem ponha um fiozinho de azeite na chapa. Eu não gosto de pôr qualquer gordura quando grelho carne ou peixe. Se é para grelhar é para grelhar, não é para fritar.

Há também quem coloque limão na marinada do tempero. Sinceramente não aconselho porque o limão coze o peixe e torna-o mais seco. Quem gosta do sabor do limão deve colocar como tempero final.

A receita que vos trago hoje é no forno. É super simples e é deliciosa.

Lombo de Salmão no Forno com Laranja e Mel


Ingredientes:
(para 2 pessoas)

1 lombo de salmão com pele
Sumo de 1 laranja
2 colheres de sopa de mel
sal, pimenta preta e alho em pó q.b.
ervas de provence q.b. (ou outras ervas a gosto).

Preparação:

1) temperar com cerca de 2 horas de antecedência a posta de salmão com sal, pimenta, alho em pó e as ervas de provence

2) Ligar o forno a 220ºC e  forrar um tabuleiro ou pirex com papel de alumínio. Dispôr a posta de salmão com a pele virada para baixo.


3)  Espremer  o sumo de uma laranja e acrescentar 2 colheres de sopa de mel. Misturar bem e verter sobre a posta de salmão.


4) Levar o lombo ao forno pré-aquecido e deixar cozinhar durante cerca de 20 minutos ou até o peixe começar a apresentar um tom ligeiramente dourado.

Fica uma verdadeira delícia.

Então acompanhado de um puré de batata e cenoura com uma salada verde é um verdadeiro regalo para a barriguinha.

A sério, vale a pena experimentar.

Beijinhos e uma excelente semana.

22 comentários:

  1. eu sempre gostei muito de salmão, nunca o achei um peixe seco porque, lá está, não deve ser cozinhado demais (tal e tal como os bifes de atum, ficam intragáveis quando muito cozinhados!).
    tomo a liberdade de acrescentar outra dica: não temperar o peixe com sal até ao momento de cozinhar, pois o sal desidrata a fibra e torna a carne ou peixe mais secos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sara! :)
      Obrigada pelo comentário e sugestão.
      Mas se for para grelhar o peixe levando o sal no momento não fica insonso?
      É que eu já experimentei algumas vezes com outros peixes e não ficou tão bom.

      Eliminar
    2. Olá Sara! :)
      Obrigada pelo comentário e sugestão.
      Mas se for para grelhar o peixe levando o sal no momento não fica insonso?
      É que eu já experimentei algumas vezes com outros peixes e não ficou tão bom.

      Eliminar
    3. de nada! :)
      aí já vai depender do gosto da própria pessoa (eu, por exemplo, sou muito sensível ao sal). mas creio que, temperando 5 minutos antes, não irá fazer grande diferença na textura final

      Eliminar
  2. Adoro as tuas sugestões e esta vou guarda la :) porque desconhecia .
    Por aqui as acho as postas sempre com gordura a mais ,por isso desisti de fazer no forno e junto sempre limão sempre depois da cozedura /prato .
    Cá em casa ,normalmente faço grelhado ,depois desfaço aos bocadinhos e junto a uma massa de tagliatelli ,azeitonas pretas e broculos .
    Azeite e ervas está lá e rende bastante .
    Fica ai a sugestão ;)
    Boa semana minha linda .....
    bjs doces
    Lulu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lulu!
      Eu gosto de salmão de todas as maneiras desde que bem cozinhado.
      Obrigada pela sugestão.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Olá Lulu!
      Eu gosto de salmão de todas as maneiras desde que bem cozinhado.
      Obrigada pela sugestão.
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Boa noite, falando em salmão e lembrando a sua panela de cozer ao vapor...Ontem o jantar cá em casa foi lombos de salmão em papelote ao vapor, temperado com limão e especiarias.Ficou muito bom ,acompanhado de couscous com vegetais que também foram cozinhados em papelote ao vapor. Se sobrar fica muito bem numa salada fria (neste caso as sobras deram origem a um arroz de peixe). :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que excelente sugestão Magda :)

      Eliminar
    2. Que excelente sugestão Magda :)

      Eliminar
  4. Que aspecto delicioso, também adoro salmão

    ResponderEliminar
  5. É engraçado porque tenho uma ideia bem diferente em relação ao salmão. :) Adoro e comemos imensas vezes em casa e quase sempre grelhado com flor de sal e ervas. Para mim até prefiro apenas com flor de sal para lhe sentir bem o paladar!
    Só para teres uma ideia, quando encontro salmão em promoção, costumo comprar um salmão inteiro e peço logo para fazer filetes (lombos), e postas para várias refeições, incluindo as sopas da miúda que são as sopas preferidas dela :)
    No forno envolto em papel de papel de alumínio tb fica muito bom. Experimenta colocar por baixo bróculos ou outros legumes para rentabilizar a cozedura e já ficas com acompanhamento.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou passar a comprar o sapmão inteiro na peixaria e fazer como tu fazes. Sai bem mais barato. Obrigada pelas sugestões deixadas :)
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Vou passar a comprar o sapmão inteiro na peixaria e fazer como tu fazes. Sai bem mais barato. Obrigada pelas sugestões deixadas :)
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Adoro salmão, e cá em casa é um dos poucos peixes que todos comem, pena é que seja tão caro e nem sempre seja possível comprar, mas quando está em promoção aproveito sempre. Costumo fazê-lo também no forno, mas com um molho levezinho de tomate com cebola, alho, pimenta preta e orégãos, acompanhado com uma batatinha cozida. Tenho na arca umas postinhas de salmão, vai ser o jantar de amanhã e vou copiar esta receita ;) parece ficar delicioso, e não faço já hoje porque à hora que chego a casa não dá tempo de descongelar e temperar devidamente. Obrigada pela partilha! Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero que aprecies tanto esta receita quanto eu :)
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Espero que aprecies tanto esta receita quanto eu :)
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Tenho de fazer este salmão! Nós também gostamos muito. É um peixe que precisa de ser cozinhado na perfeição senão é para esquecer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente nem sempre é um peixe bem tratado :(

      Eliminar
    2. Infelizmente nem sempre é um peixe bem tratado :(

      Eliminar
  8. Ola luarte
    Adorei está ideia e expriemntei hoje para o nosso jantar ( sim é já jante, estou do outro also do mundo) e adorei adorei adorei! Eu sou grande apreciadora de salmão, mas o marido nem tanto. E raramente faço para o nosso jantar, pq ele torce sempre o nariz quando falo em salmão.
    Mas este ficou simplesmente divinal. Não o temperei com tanto tempo de antecedência mas ficou maravilhoso na mesma. Acompanhei com brócolos cozidos com cenoura laminada e depois salteados em azeite e alho. Acompanhei com arroz Basmati tb. Muito obrigada pela partilha!
    Fátima

    ResponderEliminar
  9. cantinhodacasa23 agosto, 2015 17:59

    Não aprecio este peixe, mas há algum tempo fiz uma receita que encontrei aqui na web, semelhante a esta mas sem o mel.
    Esta parece ser melhor.
    Obrigada.

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)