terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Naquele monte alentejano

Nos últimos anos entre o Natal e o Ano Novo temos aproveitado para dar uma escapadinha dentro de Portugal.

Dois ou três dias longe das rotinas, fora do mesmo ram-ram do dia-a-dia, dão logo outra energia e ânimo. E se for fora da cidade funciona como uma espécie de expurgo para a alma.

Por isso optamos quase sempre por fazer turismo rural. Desta vez não foi exceção.

Agora que a Cereja está connosco, achámos que poderia ser uma boa ocasião para fazermos férias a três.

Nas minhas pesquisas cedo me dei conta que não é assim tanta a oferta de alojamento onde animais de estimação sejam bem-vindos, o que limita à partida as nossas escolhas.

A Cereja levou-me a descobrir a HomeAway, uma plataforma de imóveis para alugar com uma vasta escolha em termos de casas no nosso país e a preços muito interessantes.

Foi aqui que descobri um dos lugares mais fantásticos onde já estive. Um verdadeiro paraíso.

Uma casa isolada num monte alentejano, dentro de uma propriedade de 40 hectares de sobreiros, na zona de Cercal do Alentejo.

Três noites e quatro dias de puro sossego, com uma paisagem linda, de cortar a respiração. Um lugar mágico.

Ideal para a Cereja correr e explorar o mundo em total liberdade,  sem horas marcadas para ir à rua ou sujeita à disponibilidade dos donos.

Lugar perfeito para uma estadia de puro lazer e descanso onde não sentimos qualquer necessidade de sair da propriedade, da nossa casinha com aquela varanda maravilhosa que nos oferecia o melhor camarote para assistir ao nascer do sol e as vistas mais bonitas para as refeições do pequeno-almoço, almoço e lanche. 

À noite, apenas o luar e as estrelas iluminavam aquele nosso pequeno pedaço de céu. Lá longe, muito ao longe minúsculos pontos de luz lembravam-nos existir algures no tempo e no espaço civilização.

Durante a nossa estadia, aproveitámos e fizemos pequenos trilhos dentro da propriedade. Tudo o que precisávamos estava ali, reduzido àquele micromundo onde nada falta para sermos felizes.

Valeu ouro este retiro, longe de tudo o que é dispensável.

As únicas vezes que nos ausentámos foi precisamente para ir ao Cercal buscar pão, vinho, chouriço e mais umas pequenas coisas que nos faziam falta para as refeições. Tudo o resto levámos já de Lisboa.

Fizemos todas as refeições em casa. Soube pela vida comer e beber apenas a ouvir os sons da natureza. Não ver mais do que verde e azul diante dos nossos olhos. Não cheirar nada mais que o aroma da comida, da terra e das plantas. Durante aqueles quatro dias, por ali não vimos mais ninguém, não houve espaço para mais ninguém, a não sermos nós e a nossa cadelinha.

Além de ser um dos lugares mais fantásticos onde já estive em turimo rural, foi dos mais económicos (40 euros/noite), sem qualquer pagamento extra por levarmos animal de estimação.

Já para não falar na hospitalidade do nosso anfitrião que foi de uma simpatia exímia e de um acolhimento ímpar. O nosso muito obrigado pelo vinho e pelo pão (alentejano como eu tanto gosto) que nos ofereceu (até isto me pareceu de uma grande simplicidade e simbolismo).

O dono desta propriedade, o sr. António Raposo, tinha mesmo razão quando me disse na correspondência que trocámos que nós iriamos adorar a nossa estadia e que o seu cantinho era mesmo um lugar mágico para namorar e ser feliz.

Vim de coração cheio e com muitas saudades. Trouxe a certeza que a Cereja foi sem dúvida extraordinariamente feliz neste lugar que em tudo superou as expetativas iniciais.

Lugares assim como este não há muitos.

Termino este post com algumas fotos no nosso Monte do Sobreiro:


A Casa



A lateral e a varanda de madeira




                                                          Entrada para o interior da casa


A varanda

As vistas da varanda

A Cereja a apreciar também a paisagem

A cozinha

A sala

O quarto

Uma das nossas refeições

Os muitos sobreiros vistos da nossa varanda

Aqui o olhar perde-se na beleza deste lugar



Quando a humidade da noite cai

E o luar se põe à espreita 


O amanhecer...

 ... visto da nossa varanda


Nem a Cereja quis perder pitada destes momentos fantásticos do dia

A luz entra e cobre de cor a parede do nosso quarto


À espreita

 
A apanhar salsa fresquinha para a omolete

O pequeno-almoço

 Lanche ao cair da noite

No aconchego do lume 


 Nos trilhos da propriedade

No miradouro

 A Cereja também quis subir ao miradouro para apreciar as vistas

 Na preguiça

 
 Nesta varanda que não cansa

 No lago




  Na hora da despedida com um maravilhoso pôr-do-sol

E assim se passaram poucos mas muito bons dias de descanso num lugar de verdadeira inspiração.

P.S.: Se tiverem boas referências de outros locais para férias com animais, agradeço desde já a vossa partilha :)

Beijinhos e continuação de semana feliz :)

28 comentários:

  1. Adorei,deve ser muito giro! Vê as Pousadas de Portugal, acho que já se pode levar animais e às vezes fazem promoções boas.
    Beijos bom ano.

    ResponderEliminar
  2. Parece fantástico e a cereja parece adorar, a minha Mia ia de certeza :) Quem não adora não é verdade?! :D


    Blog - Desabafos e Coisas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É impossível qualquer espécie não ser aqui extremamente feliz ;)

      Eliminar
  3. Uau! Adorei! É tudo tão bonito! Mas ainda gostei mais de ver a Cereja a ser feliz! É tão bom! Um lambejinho para ela! Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Cereja quando chegou a casa esteve 2 dias tão apática que ate julgámos que estivesse doente. Estava era de ressaca :D :D :D Lambijinhos da Cereja.

      Eliminar
  4. Que sitio maravilhoso!!!
    Parece-me a Serra do Gerês, estou ansiosa por ir passar la uns dias também, que é bem mais perto que o Alentejo para nós :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Gerês é fantástico. Já fui muitas vezes feliz aí :)

      Eliminar
  5. Adoro a paz alentejana, que maravilha, e a Cereja tão feliz, boa escolha. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A tranquilidade do Alentejo é assim de nos encher a alma. Tive o privilégio de trabalhar durante um ano em terras alentejanas e ainda fiquei mais fã :)

      Eliminar
  6. Que linda casa! E tão simples!
    Bjs
    Lua

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade! Tudo o que é simples e despretensioso é lindo. E este lugar é assim :)

      Eliminar
  7. O alentejo é o meu lugar de descanso, sempre que posso é para lá que vou! Se puderes procura em Montoito uma propriedade, eles aceitavam animais e o preço era 25 euros por noite eheeh ainda era mais em conta, tinha piscina e emprestavam bicicletas e deixavam montar a cavalo no picadeiro... entretanto levou obras e não sei se mantêm o mesmo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aqui também emprestavam bicicletas, nós é que não chegámos a usar. Montoito é perto de Reguengos onde já morei durante 1 ano. Cheguei a visitar a localidade. Esse preço era muito em conta. Onde ficámos gostei muito do isolamento relativamente a outras pessoas, casas, o que para nós que levávamos a Cereja foi ótimo.
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Olá querida.
    Que imagens inspiradoras!
    Se eu pudesse, oferecia-te essa casinha, para passares férias e escapadinhas com o teu menino e a cerejinha! Seria o monte Luarte!
    Um grande beijinho e obrigada por estas partilhas!

    Tenho um sítio giro para passares uns dias de férias com a cerejinha, dentro do meu terreno, com uma casa só para vós que está pensada para um dia se for necessário fazer um turismo rural... Têm muito espaço, podem tomar umas banhocas, espreguiçar na relva, cuidar dos animais, apanhar ervas para o chá ou para as omoletes, e ovos fresquinhos :) Pão fresquinho todas as manhãs, comer pinhões e besuntar as mãos todas de resina :) ... ver vistas lindas! É um sossego! Estou a falar a sério! Beijo grande.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tão querido este teu comentário.
      Obrigada pelo convite. Quando avançares com esse projeto do turismo rural conta comigo :)
      Tenho a certeza que iria ser muito feliz nessa tua propriedade, cheia de bom gosto e sensibilidade.
      Beijinho grande e lambijinho da Cereja

      Eliminar
    2. Tu não precisas que avance com o projecto, estás convidada!

      Eliminar
  9. Alentejo Maravilhoso!!
    O Monte do Farrusco em Santana do Campo pertinho de Arraiolos, é também maravilhoso e com a vantagem de os animais serem muito bem-vindos. O Charlie adorou e tem uma piscina optima :)

    ResponderEliminar
  10. Oh, que maravilha! Gostei de todas as fotos, parece ser um lugar muito tranquilo. E a Cereja é linda :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo um lugar fantástico.
      Obrigada pelo comentário 😘

      Eliminar
  11. Que paisagem fantástica para uma mini lua-de-mel a 3!! XD Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo de sonho e tranquilidade. Beijinhos

      Eliminar
  12. Que lugar maravilhoso!!! Poderia passar o resto da minha vida ai!
    Parabéns pelas fotos, estão lindas! Beijocas.

    ResponderEliminar
  13. Gostei de todas as fotos, o lugar é mesmo especial
    mas tenho de dizer que estou sempre à espera das fotos da cereja, ela é do mais "fotogenicó-fofinho" que há :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo, a Cereja é mesmo fotogénica :). Convido-te a visitares a página da Cereja no FB. Está sempre a ser atualizada e tem muitas fotos e vídeos da minha bicha "mai" linda :)

      Eliminar
  14. ola adorei as fotos !!nao conheço mas so as fotos deixam a babar https://www.facebook.com/MonteDaGalega/?ref=ts&fref=ts

    bjinhos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo vosso comentário :)